Promoção da saúde da criança


Publicado em: Notícias - 14 de novembro de 2008

Uma das principais mesas-redondas realizadas na manhã de hoje no 1º Congresso Nacional de Saúde da Faculdade de Medicina da UFMG discutiu a utilização de dados estatísticos individuais e coletivos como instrumentos de promoção da saúde das crianças.

Com o tema Crescimento e Desenvolvimento, a mesa foi coordenada pelo professor Antônio José das Chagas (UFMG) e teve a participação de Cláudio Leone (Universidade de São Paulo – USP), Rosa Resegue Ferreira da Silva (Universidade Federal de São Paulo – Unifesp) e Lúcia Maria Horta Figueiredo (UFMG).

Cláudio Leone falou sobre o tema Crescimento e disse que as informações sobre altura e peso são importantes indicadores das condições de nutrição e saúde individuais e coletivas. Ele defendeu sua maior utilização na definição de ações e políticas na área.

“Os dados sobre crescimento são um ótimo instrumento para acompanhar as condições de vida de populações e comunidades, mas ainda são pouco utilizados em nosso meio”, afirmou o professor da USP.

Desenvolvimento

O tema da palestra de Rosa Resegue Ferreira da Silva foi o Desenvolvimento. Ela defendeu uma abordagem desse conceito para além dos extremos do determinismo biológico e do ambientalismo. “O sujeito não se constitui de dentro para fora, nem é um espelho reflexo do meio. O sujeito constitui-se na relação com o outro”, disse a professora da Unifesp.

Para ela, uma concepção capaz de orientar adequadamente as políticas de promoção de saúde deve levar em conta que o desenvolvimento se dá de formas diferentes e variadas, tanto de uma população para outra como num mesmo grupo social.

Lúcia Maria Horta Figueiredo fez palestra sobre a Caderneta de Saúde. Ela apresentou um breve histórico das formas recentes de registro de dados sobre a saúde da criança no país. Em seguida, falou sobre o uso da atual caderneta como instrumento para monitorar as condições de vida nessa faixa etária.

A palestrante também apontou, ainda, problemas na utilização da caderneta, como a falta de informação de boa parte das mães logo no nascimento do bebê e a ausência de registros importantes sobre a saúde da criança.

Conferências
Além de seis mesas redondas, na manhá de hoje foram realizadas duas conferências no 1º Congresso Nacional de Saúde. Na primeira delas, Sérgio Diniz Guerra e Elza Machado Melo, ambos da UFMG, falaram, respectivamente, sobre Epidemiologia do Trauma e Violência Intra e Extra Doméstica.

Na segunda conferência, Gastão Wagner de Souza Campos (Unicamp) falou sobre o Processo Saúde-Doença e Adriana Oliveira dos Santos (ESP-MG) discutiu Comunicação e Qualidade da Assistência.

O Congresso segue na tarde de hoje, com mais duas conferências e oito mesas-redondas. Simultaneamente ao evento, são realizados o 2º Seminário de Humanização do Hospital das Clínicas da UFMG e o Seminário Promoção da Saúde e Gestão Organizacional. Todas as atividades são no campus Saúde da UFMG (avenida Alfredo Balena, 190). O Congresso termina amanhã. Veja programação.

Leia mais
(Congresso)
Atenção Primária atrai profissionais
– 14/11/08
Empresas mostram que é possível promover a saúde
– 14/11/08
Promoção da saúde da criança
– 14/11/08
Seminário de Humanização discute política pública
– 14/11/08
Hábitos modernos exigem nova abordagem de saúde
– 14/11/08
Muito além da assistência direta à saúde
– 14/11/08
Saúde Brasil 2007: dados e promoção da saúde
– 14/11/08
Quatro pôsteres selecionados
– 14/11/08
Mídia, Comunicação e Saúde
– 14/11/08
Lançamento de livros durante o Congresso – 13/11/08
Júlio Anselmo: Vinho e saúde
– 13/11/08
Entrevista: Assessor da OPAS incentiva redes sociais
13/11/08
Tecnologia e ensino em saúde
13/11/08
Crise, Ética e Saúde
13/11/08
Promoção da saúde pede reformulação de paradigmas
13/11/08
Nescon lança publicação e marca seus 25 anos
12/11/08
Congresso Nacional de Saúde começa hoje
12/11/08
Livro traz fotos de professores em viagem ao sertão – 11/11/08
Faculdade muda funcionamento para congresso
– 10/11/08

Redação: Ricardo Bandeira – Jornalista / Cedecom

    Contador de visitas: 368 visualizações

    Veja também: