Notícias Externas

Projeto promove Semana de Valorização à Vida e Prevenção ao Suicídio


Publicado em: AgendaExternas - 4 de setembro de 2017

Com o objetivo de direcionar a atenção acerca de um grande desafio para saúde pública, o suicídio, o projeto de extensão V.I.D.A.S. (Veículo Inspirador de Amanhãs Solidários), da Faculdade de Medicina da UFMG, realiza, em conjunto com a Associação Mineira de Psiquiatria,  nos dias 10 e 11 de setembro, a Semana de Valorização à Vida e Prevenção ao Suicídio.

Os eventos propostos pela parceria integram o Setembro Amarelo, mês no qual governo, organizações e sociedade discutem abertamente temas de extrema sensibilidade, como a depressão e o suicídio.

No dia 10 de setembro acontece a Caminhada pela Vida, que já ocorre há quatro anos na Praça da Liberdade. Aberta aos interessados em promover a vida, a caminhada não precisa de inscrições, mas um evento no Facebook será criado para a confirmação de presenças e discussões acerca do tema.

O único pedido dos organizadores é que os participantes da caminhada se vistam de amarelo. A concentração é na Praça da Liberdade às 9h, e os primeiros a chegar vão ganhar camisetas amarelas, além de panfletos informativos.

A agência de marketing digital Chá de Conteúdo, gestora do conteúdo das redes sociais do V.I.D.A.S. e parceira do projeto também promove a semana, que conta ainda com o apoio do Centro de Valorização da Vida (CVV), do Exército, da Associação Médica Brasileira, da Associação Médica de Minas Gerais, da Associação Brasileira de Psiquiatria, do Conselho Federal de Medicina, da Federação Nacional do Médicos e da Assembléia Legislativa de Minas Gerais.

Simpósio
Durante a Semana de Valorização à Vida e Prevenção ao Suicídio será realizado o III Simpósio Prevenção do Suicídio da Faculdade de Medicina da UFMG, para dar luz às questões que envolvem o crescimento de números de suicídio no Brasil, através da problematização de condutas e reflexões médicas e sociais com o intuito de prevenção.

Não é necessário fazer inscrições, porém a participação no evento está sujeita à capacidade do Auditório, no 4º andar da Faculdade. para tanto, a organização pede que os interessados confirmem presença no evento do Facebook para uma estimativa de presença.

Pílulas de vida
O V.I.D.A.S. se propõe a ser um espaço para lembrar que a vida está plena daquilo que faz as pessoas melhores a cada dia, onde todos possam se ajudar mutuamente.

Com o mote de distribuir pílulas de vida, o projeto espera ser aliado no combate ao suicídio de jovens e adultos com respaldo médico e acadêmico, para que pessoas sem conhecimento clínico possam ser úteis na cura dos males de seus iguais.

Por meio de redes sociais, são transmitidas boas notícias e mensagens positivas, selecionadas pelos estudantes participantes do projeto e profissionais da Chá de Conteúdo.

#13MotivosPelaVida
A Série 13 Reasons Why, da Netflix, reacendeu recentemente as discussões sobre o suicídio e mostrou como a ideia pode crescer dentro das pessoas em situação de risco, principalmente entre os jovens.

A Semana de Valorização à Vida e Prevenção ao Suicídio vai lançar, através do V.I.D.A.S., a campanha #13MotivosPelaVida, que usará as redes sociais, plataformas onde os jovens estão em maior número, para promover a prevenção ao suicídio e divulgar canais de atendimento a quem precisa de ajuda.

Dentre as ações do projeto estão o compartilhamento de razões para continuar seguindo em frente apesar de todas as adversidades. O objetivo dessa campanha é que o conteúdo “do bem” seja gerado pelos próprios usuários das plataformas onde o V.I.D.A.S. está presente.

Suicídio no Brasil
O Brasil é o oitavo país com o maior número de suicídios. De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de trinta e dois brasileiros morrem diariamente vítimas de suicídio. Os dados são ainda mais alarmantes em relação aos jovens. O suicídio mata mais pessoas entre 15 e 29 anos do que o HIV em todo o mundo.

Ainda segundo a OMS, uma pessoa, a cada 40 segundos, comete suicídio o que equivale a 1,4% dos óbitos totais. A região que apresenta os índices mais altos é o Sudeste Asiático, com 17,1 suicídios por 100 mil, seguido pela Europa, que chega a 13,8 por 100 mil. Quando avaliamos a taxa dos países africanos, que é de 7 a cada 100 mil, ou das Américas, 8,9 por 100 mil, fica evidente que há distorções associadas à subnotificações.

Confira a programação completa: 

Dia 10/09, 9h – Caminhada Pela Vida na Praça da Liberdade

Dia 11/09, 16h às 21h – III Simpósio Prevenção do Suicídio da Faculdade de Medicina da UFMG.
Local: Auditório do 4o andar da Faculdade de Medicina da UFMG (Av. Prof. Alfredo Balena, 190, Santa Efigênia).

16h – Análise do perfil epidemiológico dos pacientes que entraram no João XXIII por motivo de tentativa de suicídio.
Luciene Rocha (FHEMIG/Joao XXII).

16h30 – Trajetórias terapêuticas do paciente que tentou suicídio.
Luciana Santos (FHEMIG/Joao XXIII)

17h às 17h15 – Debate

17h15  a 17h45 – Projeto GAES-UFMG (Grupo de enlutados por suicídio-UFMG)
Vivian Zicker (UFMG)

17h45 as 18h15 – O Centro de Valorização da Vida (CVV) e a prevenção do suicídio.
Lucas Silva (CVV)

18h15  as 18h45 – Suicídio em Estudantes de Medicina
Christiane Ribeiro (UFMG)

18h45 as 19h – Debate

19h as 19h15 – Abertura
Representantes da Associação Mineira de Psiquiatria,  do CVV, do Exército Brasileiro e da Faculdade de Medicina da UFMG

19h15 às 19h30  – Projeto V.I.D.A.S (Veículo Inspirador de amanhãs solidários)
Gabriela Marques, Cleo Coelho, Mateus Veras, Adriana Scudeller

19h30 às 20h15–Juventude, Identificação e Cultura Digital e Lançamento da campanha #13motivospelavida
Cínthia Demaria (Tea With Me) e Nadia Laguárdia (UFMG)

20h15 as 21h00  Suicídio no Hospital Geral
Maila Castro (UFMG)

Leia também: Projeto usa redes sociais para prevenção ao suicídio

Redação: com Chá de Conteúdo

    Contador de visitas: 2.428 visualizações

    Veja também: