Acesso interno

Projeto da Faculdade leva psicoeducação para Brumadinho

Próxima intervenção está marcada para 25 de setembro


    12 de setembro de 2019 - , ,


    Equipe da Liga de Saúde Mental em Brumadinho. Foto: Arquivo pessoal

    Levar informações sobre saúde mental à população de Brumadinho é o objetivo da Liga de Saúde Mental da Faculdade de Medicina da UFMG. No último domingo, 8 de setembro, os estudantes se revezaram para conversar com os moradores da região e distribuir cerca de mil cartilhas sobre estresse pós-traumático (EPT), sofrimento que pode afetar os brumadinhenses após a tragédia do rompimento da barragem da Vale na cidade.

    A próxima intervenção já tem data marcada para 25 de setembro, a partir das 8 horas, na praça da Bandeira e na Igreja Matriz da cidade. A intenção é que as visitas dos participantes da Liga sejam feitas quinzenalmente para abordar a saúde mental através da psicoeducação, uma ferramenta terapêutica que explica transtornos psíquicos e seus tratamentos de forma fundamentada e organizada.

    Segundo a professora do Departamento de Saúde Mental da Faculdade de Medicina da UFMG e coordenadora do Projeto, Tatiana Mourão, a proposta da ação não é a de fazer um atendimento clínico, mas sim, educar a população sobre temas da saúde mental que podem passar despercebidos, como a depressão e o próprio EPT.

    A professora explica ainda que o projeto busca repetir a experiência bem-sucedida em psicoeducação, realizada em 2015 na praça da Liberdade, na região centro-sul de Belo Horizonte, e que conscientizava sobre psicofobia, ou seja, preconceito contra as pessoas que têm transtornos e deficiências mentais.

    Confira a galeria de imagens da última ação:

    Foto: Acervo pessoal