Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais


A professora do Departamento de Saúde Mental da Faculdade de Medicina da UFMG, Tatiana Mourão Lourenço, foi homenageada pela American Psychiatric Association, em congresso realizado em Nova Iorque, nos Estados Unidos.

Tatiana Mourão, que integra a associação desde 2008, tornou-se embaixadora há dois anos, representando a American Psychiatric Association no Brasil, com a função de promover a instituição para médicos do país.

A professora Tatiana Mourão Lourenço, em palestra do projeto Quarta da Saúde, realizada em maio de 2013.

A professora Tatiana Mourão Lourenço, em palestra do projeto Quarta da Saúde, realizada em maio de 2013.

No ano passado, a associação decidiu ter um grupo de membros internacionais, os chamados International Fellow. Até então, o grupo de Fellows era formado apenas por psiquiatras americanos que contribuíam para a associação. Para se tornar um Fellow é necessário que a pessoa seja membro da associação psiquiátrica há anos e que também esteja presente dentro da instituição com trabalho associativo, além de ter participação acadêmica.

O nome de Tatiana Mourão foi indicado e aprovado por um comitê de vários médicos americanos ilustres, chamado Board of Trustees. Por isso, no último dia 5 de maio, a professora foi homenageada durante o encontro anual da American Psychiatric Association.

O evento contou com a participação do vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, que discursou sobre a política de saúde mental, e de Patrick Kennedy, filho do ex-senador dos EUA, Ted Kennedy. Patrick é conhecido defensor da causa da saúde mental e já passou por tratamento de recuperação pelo uso de drogas.

Além de Tatiana Mourão, apenas outros dois brasileiros receberam o título pelo trabalho prestado na área da psiquiatria. Para a professora, é uma recompensa pelo trabalho realizado na Faculdade de Medicina da UFMG. “Eu senti que é muito bom ser reconhecida não só no próprio país, mas ter reconhecimento também em um país estrangeiro e junto com outros colegas de profissão. Muito importante ser indicada e escolhida para participar de um grupo em que me sinto muito honrada em pertencer”, comentou.

Atualmente, Tatiana Mourão continua com a função de representar e divulgar a American Psychiatric Association no Brasil.  A função é voluntária e não remunerada.

 

    Contador de visitas: 660 visualizações

    Veja também: