Estão abertas, até 23 de outubro, as inscrições de propostas para criação do Espaço Internet das Coisas, que será instalado no primeiro andar da Biblioteca Central da UFMG. A ‘internet das coisas’ é uma extensão da internet atual que possibilita aos objetos do dia a dia se conectarem à rede, gerando interação entre si e com as pessoas. Os microchips instalados em tênis de corrida para monitorar os exercícios físicos e os QRCodes, códigos que permitem o acesso a informações complementares sobre livros e outros produtos de consumo, são alguns exemplos da utilização do conceito de ‘internet das coisas’.

De acordo com chamada interna divulgada pela Pró-reitoria de Pesquisa (PRPq) e pela Biblioteca Universitária, a ideia é que o Espaço Internet das Coisas fomente a organização virtual da informação na Universidade e a concretização de projetos de pesquisa que estimulem a integração entre o físico e o virtual.

As propostas devem ter caráter acadêmico e contemplar duas ações: a criação de infraestrutura para a gestão de projetos e a realização de até dois projetos científicos que farão uso dessa infraestrutura. Além disso, precisam conter a indicação da equipe que trabalhará na iniciativa, formada por professores e bibliotecários e coordenada por um docente, em total de 10 pessoas.

Para se inscrever, é necessário enviar a proposta em PDF para o e-mail fomento@prpq.ufmg.br. Será disponibilizado o valor total de R$ 1 milhão para a criação do Espaço Internet das Coisas, e o período para execução da proposta é de no máximo dois anos.

Mais informações na chamada interna e pelo telefone  3409 4037.

Redação: com Cedecom/UFMG e Assessoria de Comunicação da Biblioteca Universitária

    Contador de visitas: 249 visualizações

    Veja também: