Film İzle | karımı gördünüz mü izle
Pedalar com segurança traz saúde – Faculdade de Medicina da UFMG

Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais


Notícias Externas

Pedalar com segurança traz saúde


Publicado em: ExternasRádio - 18 de setembro de 2015

Saúde com Ciência dedica série às bicicletas e investiga índices de acidentes com ciclistas e medidas públicas para incentivo do uso da bike, entre outros assuntos

marca-saude-com-ciencia1A bicicleta está cada vez mais presente nas ruas, usada como esporte, lazer ou meio de transporte. Mais barata e mais rápida no trânsito carregado das cidades, a bike também traz benefícios à saúde, como no condicionamento cardiorrespiratório e articular.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cada indivíduo deve praticar, no mínimo, 150 minutos de atividades físicas por semana, e pedalar pode ser uma ótima escolha de exercício. “Mesmo exigindo do joelho, quadril e coluna, a bicicleta não submete o corpo a impactos de repetição, como na corrida ou caminhada”, afirma o professor da Faculdade de Medicina da UFMG, Lúcio Honório.

O ortopedista explica que qualquer pessoa pode aderir às pedaladas, desde que o veículo seja ajustado de forma adequada. “As regulagens da altura do assento frente ao apoio do pedal, e da distância do assento ao guidão, são essenciais para que a prática não sobrecarregue o corpo por uma má postura”, diz.

Saúde com Ciência também destaca novas medidas da Prefeitura para estacionamento de bicicletas. Faculdade de Medicina aderiu à iniciativa. Foto: Caroline Morena

Saúde com Ciência também destaca novas medidas da Prefeitura para estacionamento de bicicletas. Faculdade de Medicina aderiu à iniciativa. Foto: Caroline Morena

Apesar dos benefícios físicos e mentais, a difusão do veiculo fez aumentar o número de acidentes com ciclistas. De janeiro a agosto de 2015, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atendeu 540 vítimas em Belo Horizonte, enquanto no ano passado foram 791 casos.

Para a coordenadora da Gerência de Educação para o Trânsito do Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG), Rosely Fantoni, o número poderia ser menor se os indivíduos do trânsito cuidassem uns dos outros. “O Código de Trânsito Brasileiro diz que o veículo maior deve proteger o menor. Da mesma forma que na faixa de pedestres o motorista deve ficar atento aos que estão nas ruas, eles precisam respeitar o espaço dos ciclistas nas faixas exclusivas”, indica.

Além do respeito mútuo, Rosely aponta o uso de equipamentos de proteção pelos ciclistas como medida para garantir a segurança no trânsito. Roupas claras com itens refletivos, luvas, joelheiras e o capacete são alguns dos assessórios recomendados. “As bicicletas também precisam estar equipadas. A instalação de faróis com luz branca dianteira e luz vermelha traseira, por exemplo, garante a visibilidade do veículo pelos outros indivíduos do tráfego”, lembra.

Sobre o programa de rádio

O Saúde com Ciência apresenta a série “A Hora da Bike” entre os dias 21 e 25 de setembro. O programa, produzido pela Assessoria de Comunicação Social da Faculdade de Medicina da UFMG, tem a proposta de informar e tirar dúvidas da população sobre temas da saúde. De segunda a sexta-feira às 5h, 8h e 18h, ouça o programa na rádio UFMG Educativa, 104,5 FM.

Ele também é veiculado em outras 162 emissoras de rádio, que estão inseridas nas macrorregiões de Minas Gerais e nos seguintes estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe, Tocantins e Massachusetts, nos Estados Unidos.

    Contador de visitas: 547 visualizações

    Veja também: