Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais


Palestras analisam doenças renais e málaria


Publicado em: Notícias - 20 de Maio de 2008

Na próxima segunda-feira, dia 26 de maio, o Centro de Pesquisa da Faculdade de Medicina da UFMG (CPq) promove mais uma edição dos Seminários de Pesquisa sobre o tema “Aspectos fisiopatológicos das doenças renais”.

Segundo a palestrante, professora Ana Cristina Simões e Silva, do Departamento de Pediatria da Faculdade, serão apresentadas formas de detecção e diagnóstico precoce para retardar o surgimento e tratar os sintomas. “Geralmente essas doenças são silenciosas e podem se agravar sem o paciente perceber”, alerta Cristina Simões.

Ela conta também que os problemas renais têm aumentado no mundo inteiro e que seu agravamento pode levar o paciente à diálise, um tratamento que gera altos custos, tanto para os enfermos quanto para os governos, além do desgaste físico e psicológico d paciente. “Nós pretendemos abordar alguns mecanismos da lesão real e quais fatores estão implicados nela para melhorar a qualidade de vida do paciente”, diz.

Malária

Já na segunda-feira, 2 de junho, o título da palestra apresentada no Seminários de Pesquisa será “Malária humana: problemas no tratamento e a pesquisa de novos antimaláricos contra P. Falciparum”.

A palestrante convidada, a professora Antoniana Ursine Krettli, do Centro de Pesquisa René Rachou / Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) adianta que irá mostrar as novas possibilidades e descobertas de moléculas que podem ajudar no tratamento da doença. Além disso, será discutido o contexto do problema no Brasil e na América Latina.

De acordo com Krettli, a malária é muito comum mas pouco conhecida e, se não tratada rapida e eficazmente, pode ser letal. Até a década de 70 a enfermidade era controlada facilmente por meio de um composto chamado “cloroquina”. Porém, o parasita causador da doença se tornou resistente ao medicamento e “Hoje é uma prioridade da Organização Mundial de Saúde e das agências responsáveis pelas pesquisas controlar e acabar com a malária”, garante.

Os Seminários de Pesquisa são abertos ao público e acontecem sempre às 12h30, na sala 22 da Faculdade de Medicina da UFMG (Av. Alfredo Balena, 190. Bairro Santa Efigênia. Região Hospitalar de Belo Horizonte). A entrada é gratuita e não é necessário inscrição prévia.

Mais informações: (31) 3409 9647

SERVIÇO
Tema
: “Aspectos fisiopatológicos das doenças renais”
Dia 26 de maio
Horário: 12h30
Local: Sala 22 da Faculdade de Medicina da UFMG
Palestrante: Professora Ana Cristina Simões e Silva, do Departamento de Pediatria

Tema: Malaria humana: problemas no tratamento e a pesquisa de novos antimaláricos contra P. Falciparum
Dia 02 de junho
Horário: 12h30
Local: Sala 22 da Faculdade de Medicina da UFMG
Palestrante: Professora Antoniana Ursine Krettli, do Centro de Pesquisa René Rachou (Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz)

Leia mais
Pró-reitor analisa pesquisa biomédica em Seminário – 15 de maio de 2008
Sérgio Pena fala de raízes ancestrais do brasileiro – 9 de maio de 2008
CPq lança série de seminários semanais – 24 de abril de 2008

    Contador de visitas: 435 visualizações

    Veja também: