Notícias Externas

Nota: Mais um mar de lama


Publicado em: ExternasInstitucionais - 26 de janeiro de 2019

A Faculdade de Medicina da UFMG lamenta profundamente as mortes provocadas por mais um mar de lama, fruto do rompimento da barragem de dejetos minerais da Vale, na comunidade de Córrego do Feijão, em Brumadinho. Uma tragédia, que poderia ser evitada, mas que soterra vidas e compromete o meio ambiente, causando sérios danos à saúde física e mental das comunidades próximas e perdas irreparáveis para as famílias e o ecossistema da região.

Nossa instituição se solidariza com as vítimas e parentes dos mortos dessa tragédia e se coloca à disposição das autoridades e familiares. Nesta segunda-feira, dia 28 de janeiro, um ponto de coleta no saguão da Faculdade receberá alimentos não perecíveis, água mineral e objetos de higiene pessoal para que sejam encaminhados para as vítimas dessa tragédia.

Assim como estivemos e estamos ao lado da população de Bento Rodrigues e de outras comunidades atingidas pelo rompimento da barragem da Samarco em Mariana, por meio do Projeto Manuelzão, de nossos pesquisadores e comunidade acadêmica, estamos prontos para auxiliar as comunidades atingidas em Brumadinho e região, que infelizmente foram vítimas dessa tragédia anunciada.

Conclamamos as autoridades e sociedade a enfrentar com seriedade a questão dos modelos de barragem adotados pelas empresas de mineração em nosso estado e país, pois não podemos conviver mais com tragédias como essa.

Belo Horizonte, 26 de janeiro de 2019

Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais

    Contador de visitas: 417 visualizações

    Veja também: