Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais


sentidos do nascer - mulheres-thumb

Imagem: Foca Lisboa/UFMG

Esclarecer os benefícios do parto normal, derrubar os mitos relacionados ao nascimento e ao parto e orientar sobre os prejuízos da cesariana desnecessária sobre a saúde da mulher e do bebê estão entre os objetivos da mostra interativa Sentidos do nascer, que está aberta ao público no Parque das Mangabeiras, até 5 de fevereiro de 2017, de quinta a domingo, das 9h às 17h.

A exposição vale-se de recursos lúdicos e sensoriais reunidos em programação variada para gestantes, seus companheiros e familiares. Há filmes, rodas de conversa com grupos de apoio ao parto e bate-papo com profissionais e professores da Escola de Enfermagem e da Faculdade de Medicina da UFMG. Também são oferecidas atividades formativas para os trabalhadores da área de atenção básica de saúde da rede municipal e outros interessados, com o propósito de estimular a mudança de comportamento das equipes de saúde com relação à gestão e ao parto.

Ambientes
São quatro ambientes interativos: gestação, mercado de parto e controvérsias. Após a sequência, o público segue para a experiência sensorial do Nascimento, com sons de batimentos cardíacos e ruídos que reproduzem o que a criança ouve quando está no ventre da mãe. Os visitantes, então, entram no útero e nascem, passando pelo canal de parto.

O projeto, desenvolvido por equipe multiprofissional das áreas de saúde e educação, foi idealizado pela pediatra e epidemiologista Sônia Lansky, coordenadora da Comissão Perinatal e do Movimento BH Pelo Parto Normal da Secretaria de Saúde de BH, e pelo professor da Faculdade de Educação da UFMG e historiador da ciência Bernardo Jefferson de Oliveira.

Prêmio e réplicas

Realizada em parceria da UFMG com a Prefeitura de Belo Horizonte para o desenvolvimento de projeto selecionado em edital conjunto do Ministério da Saúde, CNPq e Fundação Bill e Melinda Gates, a exposição já foi visitada por mais de 32 mil pessoas em montagens em Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Niterói, Ceilândia e Brasília.

Em 2015, a mostra venceu o Prêmio InovaSUS 2015 – Gestão da Educação na Saúde, iniciativa do governo federal e da Organização Pan-americana da Saúde (Opas). O prêmio apoia a montagem da primeira réplica da exposição no Parque das Mangabeiras. A versão itinerante será montada em quatro cidades de Minas Gerais em 2017, e uma segunda réplica ficará na cidade do Rio de Janeiro, por iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde e do Centro Cultural do Ministério da Saúde.

O Parque das Mangabeiras fica na Avenida José do Patrocínio Pontes, 580, Mangabeiras. Mais informações estão disponíveis no site do projeto, que abriga sistema de agendamento de visitas em grupos (acima de cinco pessoas) http://www.sentidosdonascer.org/

    Contador de visitas: 419 visualizações

    Veja também: