dsasdda Faculdade de Medicina da UFMG

Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais

Participe!

A Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) é uma das mais tradicionais instituições de ensino do Brasil. Além do curso de Medicina, a Faculdade ainda abriga os cursos de Fonoaudiologia,Tecnologia e Imagem, totalizando mais de 2,3 mil alunos matriculados. Na pós-graduação são 12 programas, com aproximadamente 700 alunos.

História

A Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) é uma das mais antigas, maiores e melhores do Brasil. Fundada em março de 1911 pela Sociedade Médico-Cirúrgica de Minas Gerais, a então Escola de Medicina de Belo Horizonte foi a quarta instituição de ensino implantada no Brasil. Em 1927, a instituição passou a constituir a Universidade de Minas Gerais, federalizada em 1949, junto com as outras três escolas de nível superior até então existentes em Belo Horizonte: Faculdade de Direito, Escola de Engenharia e Escola Livre de Odontologia, que incluía o curso de Farmácia.

A turma de 1960 inaugurou o atual edifício da Faculdade. Quem ministrou a primeira aula foi o presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira, ex-aluno, benfeitor e, a partir daquela data, professor honorário.

Na década de 60 também foi implantada a Residência Médica, com estágios de médicos graduados em várias clínicas. Em 1968, era a vez da implementação da pós-graduação da Faculdade, com a criação do Doutorado em Oftalmologia.

Nos últimos anos, a Faculdade de Medicina viveu uma melhora expressiva na titulação docente e uma conseqüente expansão do número de projetos de pesquisa e de publicações, sempre conjugados com a formação teórica e prática dos estudantes.

O processo de crescimento da Faculdade de Medicina tem sido permanente. Na graduação, em 1917, a primeira turma totalizava 17 formandos em Medicina; em 1933, foram 60. Em 1965, as entradas foram fixadas em 160.

Em 1969, a pressão pela formação de um número maior de profissionais dobrou o número de vagas para 320, divididas em duas entradas semestrais. Esse número de vagas é mantido até hoje.

Em 1977 foi criado o Centro de Pós-Graduação que, hoje, compreende os programas de pós-graduação “stricto sensu” e “lato sensu”. São doze programas nos níveis de mestrado e doutorado e um no nível de especialização.

Em 1º de julho de 1999, foi criada a graduação em Fonoaudiologia. A primeira turma ingressou na universidade em 2000 e desde então, 50 profissionais formam anualmente.

Em 2010, foi criado o curso de Tecnologia em Radiologia e Diagnóstico por Imagem, atendendo às demandas sociais crescentes nessas áreas.

Estrutura

A Faculdade de Medicina está situada no Campus Saúde da UFMG, com uma área de 104.000 m2, juntamente com a Escola de Enfermagem e o complexo do Hospital das Clínicas. A infraestrutura do campus conta também com a Biblioteca Baeta Viana, Restaurante Universitário, academia de ginástica, livraria e agências bancárias. Diariamente circulam pelo campus cerca de 15 mil pessoas.

No quadro de pessoal da  Faculdade há aproximadamente  450 professores e 100 funcionários Técnicos e Administrativo em Educação, e cerca de 100 profissionais contratados e bolsistas.

São 12 departamentos acadêmicos:

Ao todo 11 Programas de Pós-Graduação  Cirurgia e Oftalmologia, Ciências Fonoaudiológicas, Patologia; Saúde do Adulto; Infectologia e Medicina Tropical; Medicina Molecular; Promoção de Saúde e Prevenção da Violência; Saúde do Adulto; Saúde Pública; Saúde da Criança e do Adolescente e Saúde da Mulher

Extensão e Pesquisa

Extensão

Os programas de extensão desenvolvidos pela Faculdade de Medicina da UFMG visam à interação educativa, cultural e científica entre Universidade e sociedade.

É uma relação que permite aos estudantes a elaboração da práxis do conhecimento acadêmico, por meio do trabalho interdisciplinar fundamentado no contato com a realidade brasileira e regional.  A comunidade, por sua vez, participa, efetivamente, desse processo e pode interferir na atuação da Universidade.

No ano de 2013, o Centro de Extensão da Faculdade de Medicina da UFMG, CenexMed, realizou 395 atividades como, desenvolvimento de projetos, eventos, cursos, programas e prestação de serviços.

Pesquisa

Desde a sua fundação a Faculdade de Medicina da UFMG despontou como local para o desenvolvimento de atividades de pesquisa e, nos últimos anos, o número de linhas e grupos de pesquisa apresenta aumento significativo.

Atualmente, as áreas de concentração das linhas de pesquisa são Doenças Infecciosas e Parasitárias; Patologia Médica Comparada; Epidemiologia; Gestão dos Serviços de Saúde do Trabalhador; Clínica Médica; Ginecologia; Medicina Fetal e Obstetrícia; Neurociências; Saúde da Criança e do Adolescente; Microbiologia do Aparelho Digestivo; Promoção da Saúde e Prevenção da Violência , Genômica e Medicina Molecular.

A instituição conta também com mais de 30 laboratórios para realização de pesquisas e aulas.

Secretaria Geral | Contatos

Escolher qual email e endereços oficiais irão ficar disponíveis. Haverá um número de telefone?

Núcleo de Internacionalização

Parágrafo sobre o Núcleo. O que ele faz, e contatos.