Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais


Manuelzão promove encontro com educadores


Publicado em: AgendaBoa ideia - 27 de agosto de 2013

Educadores da rede pública de Belo Horizonte e de municípios da região da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas se reúnem no dia 10 de setembro, na Associação Médica de Minas Gerais, para debater o papel do professor na formação do cidadão para além das salas de aula. Com o tema “Quem educa quem: o saber transpondo barreiras e transformando realidades”, o encontro é promovido pelo Projeto Manuelzão, da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais. O objetivo é provocar reflexões sobre liderança, ensino transdisciplinar, comprometimento e território.

Com uma tarde de programação intensa, a proposta do encontro é incitar debates entre os educadores a partir de falas inspiradoras de líderes como o mestre em antropologia social e ex-subcomandante do Batalhão de Operações Especiais  da Polícia Militar do Rio de Janeiro (Bope), Paulo Storani; a socióloga, educadora e consultora do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e do Instituto de Assessoria para o Desenvolvimento Humano (IADH), Tânia Zapata; o médico, doutor em educação, idealizador e fundador do Projeto Manuelzão, Apolo Heringer; e o biólogo, educador comunitário e professor de escolas das redes municipal e estadual de Belo Horizonte, Emanuel Vitor Júnior.

Para o coordenador do Projeto Manuelzão, Marcus Vinicius Polignano, o encontro é uma oportunidade de instigar os educadores e incentivá-los a pensar no próprio papel social. “A gente pretende que esse seja um momento de reflexão e motivação para os professores pensarem a sua relação na construção de projetos educativos que fortaleçam a cidadania e valorem a atividade docente”, avalia Polignano.

Sem barreiras – Com base na ideia de “transpor barreiras e transformar realidades”, o Encontro também será transmitido em tempo real via web para os 51 municípios da Bacia hidrográfica do Rio das Velhas por meio de uma parceria com a equipe de comunicação da UFMG. Para assistir, o acesso deve ser feito pelo site da própria Universidade – www.ufmg.br

Para participar é necessário se inscrever através do e-mail quemeducaquem@gmail.com As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 6 de setembro (sexta-feira).

Acesse o blog do projeto

Informações: 3409-9810/9819/9818

(Assessoria de Comunicação do Projeto Manuelzão)

    Contador de visitas: 197 visualizações

    Veja também: