Notícias Externas

Importância de biologia evolutiva é abordada em História da Medicina


Publicado em: AgendaExternas - 9 de abril de 2018

*Carol Prado

Na próxima sexta-feira, 13 de abril, a disciplina História da Medicina, oferecida pelo Centro de Memória da Faculdade de Medicina da UFMG (Cememor), promove a aula aberta “A importância do conhecimento da biologia evolutiva para a área da saúde”. O palestrante convidado é o médico e professor aposentado do Instituto de Ciências Biológicas (ICB) UFMG, Edson Coelho de Morais.

A aula será das 11h30 às 12h30, na sala s146, no andar subsolo da Faculdade de Medicina da UFMG, em frente ao Laboratório de Anatomia Humana.

Segundo o professor, a aula poderia se chamar “Evolução para todos”, pois ela impacta todos os âmbitos e áreas e só é possível entender o mundo através dela.

Evolução imperfeita
“Se engana quem pensa que o objetivo da evolução é ser perfeita. O objetivo dela é que exista reprodução e continuidade da espécie”, declarou o professor. ”Esse pensamento ajuda a explicar diversos fatores médicos como, por exemplo, o porque de termos tantos problemas na coluna. Somos os únicos mamíferos que andam sobre duas ‘patas’, é uma alteração recente”, contou Edson.

Além do exemplo da coluna, o professor cita cruzamento das vias respiratória e digestiva, os dentes sisos, a diminuição do canal de passagem para o parto e o descolamento da retina como “defeitos” evolutivos da raça humana.

“A descendência de todos os seres existentes na Terra está conectada lá atrás, há 3,6 bilhões de anos, que foi a origem da vida. Nós somos uma figura recente aqui, como Homo sapiens”, continua o professor.

Epigenética
Além disso, o professor cita a epigenética, ou seja, uma informação genética que com ajuda de modificações de proteínas e DNA ajudam ou inibem determinado genes, como importante fator para entender a evolução. “A epigenética que fará com que seu DNA funcione, é a interação desse DNA com o ambiente, que começa desde a formação no útero da mãe” contou.

 

História da Medicina
O Cememor oferece a disciplina História da Medicina, em que são discutidos temas como nascimento da ciência moderna e o desenvolvimento do método científico, a ciência contemporânea e seus desafios, a pesquisa e a discussão sobre novas fontes de história, por professores convidados. A disciplina é ofertada como optativa e de formação livre dentro do sistema da UFMG, mas a participação é aberta para qualquer pessoa, sem necessidade de inscrição prévia.
Mais informações: Cememor – 3409 9106

*Redação: Carol Prado – estagiária de jornalismo
Edição: Mariana Pires

    Contador de visitas: 411 visualizações

    Veja também: