O Centro de Investigação da Esclerose Múltipla (Ciem) do Hospital das Clínicas da UFMG promove dois eventos, gratuitos, direcionados a pacientes e a profissionais.

Com o objetivo de chamar a atenção dos profissionais de saúde para a necessidade do diagnóstico precoce e para as alternativas de tratamento, o Simpósio CIEM 2008: Problemas e Soluções em Esclerose Múltipla será realizado entre os dias 5 e 6 de dezembro, neste final de semana, no Hotel Mercure Lourdes (Avenida do Contorno, 7315).

Em sua oitava edição, o simpósio usará como recurso didático a apresentação de casos reais atendidos no Ciem, como forma de ilustrar o tema abordado.

Referência na América Latina, o Ciem é o único centro credenciado pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria de Estado da Saúde para tratamento da doença em Minas Gerais.

É também o segundo fundado no país, atualmente atendendo cerca de 600 pacientes. Importante núcleo de formação de profissionais, apresenta extensa produção científica.

Para leigos
No dia 19 de dezembro, outra sexta-feira, de 8 às 16 horas, o Ciem realiza também, no Salão Nobre da Faculdade de Medicina, um encontro, voltado para a troca de experiências e informações entre portadores de esclerose múltipla, seus familiares e cuidadores. Na ocasião, a enfermeira Érika Gomes apresenta a palestra “Convívio Social e Familiar na Esclerose Múltipla“.

SAIBA MAIS SOBRE ESCLEROSE MÚLTIPLA
Doença rara, de causa genética, a esclerose múltipla no sudeste do Brasil tem uma prevalência média de 20 casos a cada 100 mil pacientes. Ela merece atenção especial principalmente por causar severas limitações físicas a jovens entre 20 e 40 anos, em plena idade produtiva. A presença de genes, associados a fatores ambientais, predispõem o surgimento da doença. Apesar de não ter cura, quanto mais cedo o tratamento for iniciado melhor será a qualidade de vida do paciente. Como o nome da doença indica, são múltiplos os sintomas. Pode ocorrer perda transitória e permanente da visão, dor nos olhos, dormência nas mãos, perda do jogo das mãos e pés, vertigem e tonteira. O fato dela afetar variadas áreas do cérebro exige o aprimoramento do diagnóstico e da atenção por parte dos pacientes.

Mais informações: (31) 3409 9994 ou pela página do Ciem na internet.

Leia mais
Simpósio de Esclerose Múltipla na sexta é gratuito – 30/11/07

Redação: Adriana Linhares – Jornalista
Assessoria de Comunicação Social do Hospital das Clínicas
(31) 3409 9354 – ac@hc.ufmg.br

    Contador de visitas: 518 visualizações

    Veja também: