Dicas de saúde para os candidatos ao vestibular


Publicado em: Notícias - 14 de janeiro de 2011

Reprodução

A divulgação do resultado da primeira etapa do Vestibular UFMG 2011, nesta sexta-feira, 14 de janeiro, leva muitos candidatos a intensificarem o ritmo de estudos para encarar a segunda etapa do concurso, que acontece entre os dias 23 e 29 de janeiro. Porém, para enfrentar a maratona de provas, que pode durar até três horas por dia, além do conteúdo, os vestibulandos precisam se preocupar também com a saúde do corpo e da mente.

Para amenizar a ansiedade, o professor aposentado do Departamento de Saúde Mental da Faculdade de Medicina da UFMG, Mário Bessa, aconselha os candidatos a conversarem com pessoas que já tenham passado por experiências semelhantes. “Pergunte aos seus familiares, amigos, conhecidos, professores ou qualquer pessoa que tenha feito vestibular como é o processo”, recomenda.

A nutróloga Maria Isabel Correia, professora do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina da UFMG, dá algumas dicas para a alimentação no dia da prova. Segundo a professora, não é recomendável mudar os hábitos alimentares às vésperas do vestibular. “Este é o pior momento para se experimentar coisas novas”, alerta. Ela orienta os candidatos a se alimentarem no máximo duas horas antes do vestibular e a não fazerem jejum. Maria Isabel lembra que serão várias horas de avaliação e, neste período, o aluno pode ter fome. Frutas, barras de cereais, água ou suco são alguns lanches recomendados pela nutróloga durante as provas.

Não faltam receitas e simpatias para o vestibular, mas os candidatos devem tomar cuidado com chás e remédios tranquilizantes para acalmar os ânimos. “Não existe remédio milagroso para tranqüilizar o aluno”, afirma a professora. A exceção só vale quando houver indicação médica.

Veja outras dicas de saúde dos especialistas para o vestibular:

• Evitar comer fora de casa. Mudar a rotina alimentar pode trazer complicações no dia da prova;

• Ingerir bastante água.

• Ter uma boa noite de sono na véspera da prova.

• Escolher roupas e calçados confortáveis. Um sapato apertado, por exemplo, pode atrapalhar na hora da prova.

• Manter os relacionamentos afetivos dentro da normalidade. O contato afetivo com familiares, namorados (as) ou amigos também ajuda a manter o equilíbrio emocional.

• Assistir filmes, ouvir músicas, fazer caminhadas e outras atividades de lazer ajudam a aliviar as tensões.

    Contador de visitas: 588 visualizações

    Veja também: