Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais


Como lidar com a depressão?


Publicado em: Agenda - 8 de Maio de 2013

Como lidar com a depressão? A questão será o tema da palestra da psiquiatra Tatiana Mourão, professora do Departamento de Saúde Mental da Faculdade de Medicina da UFMG, no dia 15 de maio, dentro do projeto Quarta da Saúde. A atividade, gratuita e aberta ao público em geral, começa às 12h30, na sala 150 da Unidade.

Tatiana Mourão enfatiza que a depressão já é reconhecida como um problema de saúde pública mundial, que ocasiona perdas financeiras, queda de rendimento escolar e profissional e, principalmente, sofrimento para a pessoa deprimida e sua família. Os sintomas incluem tristeza, sensação de inutilidade, ideias de ruína, desesperança, fadiga, alterações de comportamento, sono e apetite, que se manifestam ao mesmo tempo e com duração superior a duas semanas.

É comum que a depressão seja confundida com o luto. “O luto pode acompanhar a perda de uma pessoa querida ou do emprego, por exemplo. Ele pode durar até seis a nove meses. Mas dependendo da gravidade dos sintomas do luto, quando a perda familiar é acompanhada de sintomas graves de depressão, não é preciso esperar seis meses para dar o diagnóstico”, explica Tatiana Mourão.

A psiquiatra confirma a percepção de que a depressão é mais frequente nos dias de hoje do que no passado. “O estilo de vida consumista, os laços sociais e familiares mais frágeis, a competição e a falta de lazer levaram ao aumento da depressão”, relata.

A doença pode atingir pessoas de todas as faixas etárias, moradoras de áreas urbanas e também rurais. “As mulheres são as principais afetadas, tanto em decorrência de fatores hormonais quanto do estilo de vida que as deixa sobrecarregadas com duplo papel de profissional e no lar”, explica.

Na palestra do dia 15 de maio, Tatiana Mourão promete falar de outros fatores que levam à depressão, dos tipos mais comuns da doença e dos tratamentos adequados para cada caso. O projeto Quarta da Saúde é uma realização do Centro de Extensão (Cenex-MED) e da Assessoria de Comunicação Social da Faculdade de Medicina da UFMG. A proposta é abordar temas relacionados à saúde de forma ampla e com linguagem acessível à população em geral.

 

 

    Contador de visitas: 717 visualizações

    Veja também: