Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais


Notícias Externas

Cartilha amplia acesso à informação sobre a hanseníase


Publicado em: ExternasNotícias - 5 de agosto de 2015

A hanseníase já foi uma doença associada a uma série de estigmas sociais. Atualmente, no entanto, a doença é tratável e curável e a rapidez no diagnóstico é fundamental para a eficácia do tratamento. Por isso, uma cartilha desenvolvida por alunos de extensão do Ambulatório Multiprofissional de Hansenologia do Hospital das Clínicas da UFMG pretende ampliar o acesso a informações sobre o diagnóstico e o tratamento da doença.

hanseniase

Cartilha desenvolvida por alunos de extensão do Ambulatório Multiprofissional de Hansenologia do Hospital das Clínicas da UFMG

Para o professor do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina coordenador do projeto, Marcelo Grossi Araújo, a iniciativa oferece um material de consulta rápida para profissionais de saúde, além de informações sobre o diagnóstico e o tratamento da hanseníase. “O Hospital das Clínicas conta com um ambulatório que é referência, tanto para profissionais da capital, quanto do interior do estado. Já existe interlocução com profissionais de saúde de outros centros. A cartilha mantém o alerta sobre o que é a doença, quais são os sintomas e como tratá-la e pode ser consultada a qualquer momento”, afirma.

O material também contribui para o combate ao preconceito que ainda cerca a doença e a formação dos estudantes da área também contribui para a eficácia do atendimento aos pacientes. “A falta de informações sobre a doença alimenta o preconceito. É importante oferecer conhecimento embasado para que os profissionais lidem melhor com esses conceitos e enfrentem o problema. Um diagnóstico precoce aumenta as chances de um tratamento que não permite o desenvolvimento de sequelas”, conclui Grossi.

Clique aqui e confira a cartilha.

    Contador de visitas: 1.850 visualizações

    Veja também: