A ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH), Maria do Rosário Nunes, estará na UFMG nesta quinta-feira, dia 11, para debate sobre o trote. O encontro é parte de uma série de discussões que estão sendo promovidas pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE) na Universidade com o tema “Trote não é legal”.

O evento, marcado para o auditório da Reitoria, no campus Pampulha, às 9h, contará com a participação do reitor Clélio Campolina, do professor Túlio Vianna, da Faculdade de Direito, e do deputado federal Nilmário Miranda, conselheiro do editorial da revista Direitos Humanos, da SDH, e da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça.

“Faremos um debate sobre o trote, mas a ideia é também abordarmos a questão das opressões e dos direitos humanos de forma mais geral”, explica o coordenador-geral do DCE, João Vítor Leite Rodrigues. “Somos totalmente contra o trote, e nosso objetivo é realizar durante o ano uma série de atividades contínuas para combater práticas como essa.”

A atual gestão do DCE estruturou um Núcleo de Combate às Opressões, que visa propor medidas de enfrentamento à discriminação no ambiente universitário. Na UFMG, Comissão de Sindicância para apurar trote na Faculdade de Direito, ocorrido em março, deverá apresentar relatório na data limite de 19 de maio.

(Centro de Comunicação da UFMG)

    Contador de visitas: 304 visualizações

    Veja também: