Nas universidades, atualmente, existe um crescente movimento de investimento em qualificação em nível de pós-doutorado. Esse movimento tem visado um melhor desempenho do conjunto organizacional e, por conseguinte, uma melhor resposta institucional à sua missão de ensino, pesquisa e extensão. Não por menos que a UFMG e, no caso, o Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde: Infectologia e Medicina Tropical (PPG-IMT) tem voltado sua atenção para tal tema, por meio da implementação da Residência Pós-Doutoral.

Desde 2010, o PPG-IMT abriga doutores de diferentes Instituições para a realização de Residência Pós-Doutoral, consistindo em uma residência acadêmica e caracterizada pelo desenvolvimento de atividades de pesquisa com aprofundamento teórico e prático. Os projetos são factíveis com a relevância da residência, cumprem alguns pré-requisitos listados no regulamento que trata sobre o tema, está disponível abaixo, e visa a estimular uma maior especialização por parte dos Doutores em seus grupos de pesquisa ou por meio de novas colaborações técnico-científicas. Recebendo pós-doutorandos, com financiamento de agências e voluntários.

Mais informações podem ser obtidas nos links abaixo: