O Programa de Pós-Graduação em Infectologia e Medicina Tropical (PPG-IMT) da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais foi criado em 1972. Ao longo dos seus mais de 40 anos de existência, formou aproximadamente 339 mestres e 161 doutores.

No último triênio (2013-2016), o PPG-IMT recebeu conceito 6 da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), órgão responsável pela expansão e consolidação da Pós-Graduação strictu sensu no Brasil. Diante dessa avaliação, o PPG-IMT se mantém entre as principais Pós-Graduações brasileiras, destacando-se pela produção científica de excelência e com elevado impacto internacional.

Existem, atualmente, 15 linhas de pesquisa vigentes e que englobam projetos sendo desenvolvidos nas diversas áreas relacionadas à Infectologia e Medicina Tropical. O PPG-IMT tem também estimulado a vinda de pesquisadores estrangeiros, como a participação de pesquisadores do Reino Unido nos três Encontros de Pesquisa realizados nos anos de 2015, 2016 e 2017, o que tem possibilitado o início de um longo e frutífero processo de colaboração internacional, que impactará significativamente em nossa internacionalização.

O corpo docente e discente de formação heterogênea, mas com atuação direta na Infectologia e Medicinas Tropical, permite que sejam desenvolvidos projetos de pesquisa com elevada qualidade e com inserção nas áreas básica, translacional e clínica, permitindo a formação de recursos humanos de maneira diversificada e de qualidade para atuação nas diversas áreas da Saúde em nosso país e exterior.

      Saiba mais