Apresentação

Fonoaudiologia é a ciência que atua em pesquisa, prevenção, avaliação e intervenção terapêutica nas áreas da comunicação oral e escrita, voz e audição, bem como em aperfeiçoamento dos padrões de fala e voz (lei 6965/81).

O Programa de Pós-Graduação em Ciências Fonoaudiológicas da UFMG foi aprovado pela CAPES em dezembro de 2012, e teve seu início em fevereiro de 2013. Entre os 11 programas vigentes na área da Fonoaudiologia no país, o PPG em Ciências Fonoaudiológicas oferece o primeiro curso de mestrado acadêmico em instituição pública no Estado de Minas Gerais.

O Programa de PPG em Ciências Fonoaudiológicas tem compromisso com formação, inovação técnico-científica, construção de evidências científicas e produção de conhecimento na área da saúde Fonoaudiológica e da Comunicação Humana.

O Programa conta atualmente com 12 docentes permanentes e um docente colaborador, sendo 11 fonoaudiólogos e 2 otorrinolaringologistas, que participam ativamente das atividades de ensino, pesquisa e orientação, e atuam nas linhas de pesquisa: Funcionalidade e saúde da comunicação humana na criança e no adolescente; Funcionalidade e saúde da comunicação humana no adulto e no idoso e Saúde coletiva e comunicação humana.

História

O Programa de Pós-Graduação em Ciências Fonoaudiológicas surgiu a partir da identificação de lacuna na oferta de cursos de pós-graduação strictu-sensu na área em universidades públicas. Desta forma, uma comissão indicada pelo Departamento de Fonoaudiologia da Faculdade de Medicina da UFMG (DEPFONO) elaborou o projeto para a criação do PPG em Ciências Fonoaudiológicas, objetivando o desenvolvimento de recursos humanos na área e contribuindo para a consolidação da produção e do conhecimento técnico-científico em Fonoaudiologia em nível regional e nacional. A implantação do PPG-CF constituiu um passo natural para o desenvolvimento do Departamento de Fonoaudiologia, para o escopo de trabalho do corpo docente e para consolidação das linhas de pesquisa desenvolvidas pelos docentes deste e de outros departamentos da Faculdade de Medicina.

Aprovado pela CAPES em dezembro de 2012, o Programa iniciou suas atividades em fevereiro de 2013.

Laboratórios de pesquisa

O PPG_CF conta atualmente com dois laboratórios. Um laboratório de pesquisa está localizado no 1o. andar da Faculdade de Medicina, com computadores, softwares, microfones e cabina acústica, utilizado por docentes e alunos da graduação e da pós-graduação para aulas e pesquisas. O segundo laboratório de pesquisa está localizado na sala 285 da Faculdade de Medicina e conta com tratamento acústico e com equipamentos de avaliação de audição, voz, disfagia e motricidade orofacial. Além disso, o espaço é destinado à entrevista com sujeitos de pesquisa e orientação de estudantes.

Atividades assistenciais

Atividades assistenciais ambulatoriais

Ambulatório de Fonoaudiologia/ Hospital São Geraldo
O ambulatório de Fonoaudiologia foi construído na ocasião da implantação das disciplinas/estágios curriculares ambulatoriais do Curso de Graduação em Fonoaudiologia, com verba do Ministério da Educação, no 3o. andar do Hospital São Geraldo. Atualmente, sua ocupação é realizada prioritariamente por atividades desenvolvidas por docentes do Departamento de Fonoaudiologia para realização de atividades de ensino, assistência, pesquisa e extensão, nas áreas de audição, linguagem, motricidade orofacial, voz e saúde coletiva.

Com a implantação do PPG em Ciências Fonoaudiológicas, tal infraestrutura passou a receber também os alunos da pós-graduação em atividades de ensino e pesquisa. Cabe ressaltar que grande parte dos projetos dos alunos do PPG-CF têm suas coletas de dados realizadas neste ambulatório.

No primeiro andar do Hospital São Geraldo funciona o setor de Audiologia e o Serviço de Atenção à Saúde Auditiva, com participação de docentes e alunos do PPG-CF.

Outros ambulatórios
Os docentes e alunos do PPG em Ciências Fonoaudiológicas realizam atividades de ensino, pesquisa e extensão em diversos ambulatórios do complexo HC/UFMG, como os ambulatórios Jenny Faria e Bias Fortes, dentre outros. As atividades desenvolvidas nesses ambulatórios priorizam a atuação multiprofissional e transdisciplinar, favorecendo a atenção integral aos usuários do HC/UFMG e a inserção do aluno em credenciamentos do Ministério da Saúde (MS), como o programa Mais Vida e em ambulatórios especializados, como o “Ambulatório do Respirador Oral”, o Ambulatório de Acompanhamento do Recém-nascido de Risco”- ACRIAR, e o “Ambulatório de Baixa Visão”.

Atividades assistenciais hospitalares

O HC/UFMG é ainda cenário de prática de ensino e pesquisa para alunos e docentes do PPG – CF em diversos setores das unidades de internação, como UTIs adulto e pediátrica, Unidade de Cuidados Progressivos Neonatais, leitos adulto e pediátrico, dentre outros. Ressalta-se também a inserção em programas do MS, como a Linha de Cuidados em Acidente Vascular Cerebral (AVC).

CETES – Centro de Tecnologia em Saúde

O CETES está localizado no sexto andar da Faculdade de Medicina da UFMG, sendo composto por área física disponível para as áreas de informática médica, simulação e núcleo de Telessaúde. Na sua área física estão disponíveis salas para simulação com manequins e equipamentos para as práticas em saúde e sala de videoconferência para 70 pessoas. Para a produção de conteúdos, o CETES conta com profissionais capacitados em animações e modelagem 3D, o que possibilita a realização de cursos de educação a distância e produção de material didático.

Centro de apoio em estatística em saúde na faculdade de medicina

Este projeto cooperativo entre o Centro de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina da UFMG e professores do Departamento de Estatística do Instituto de Ciências Exatas tem como finalidade agilizar a produção de trabalhos científicos no âmbito da Pós-Graduação. Durante o ano de 2002 destinou-se área específica para sua instalação no Centro de Pós-Graduação. Em 2003, foram adquiridos os equipamentos de informática para seu funcionamento.

Salas de aulas

As aulas teóricas e seminários são realizados nas salas de aula da Faculdade de Medicina, que conta com todo o material audiovisual necessário. A Faculdade de Medicina possui mais de 35 salas de aula, destas, 14 comportam mais de 40 pessoas. Possui também quatro anfiteatros para 100 pessoas e o Salão Nobre que tem capacidade para 484 assistentes.

Biblioteca

O Programa de Pós-Graduação em Ciências Fonoaudiológicas conta com o apoio integral da Biblioteca Baeta Vianna (Campus da Saúde da UFMG), instituição de referência da BIREME. Os funcionários da biblioteca prestam assessoria permanente aos alunos e professores do Programa quanto à normalização bibliográfica, levantamento de bibliografia por via eletrônica (Lilacs, Medline, Scielo, etc) e confecção de fichas catalográficas. Além disso, os alunos contam com a Biblioteca Central da UFMG, onde têm acesso a um enorme acervo complementar, bastante diversificado. Os docentes e alunos do Programa tem acesso irrestrito ao Portal de Periódicos Capes, com disponibilidade de serviço wireless no prédio da Biblioteca Baeta Vianna e da Faculdade de Medicina da UFMG.

A Biblioteca Baeta Vianna funciona de 2ª a 6ª feira de 7:00 às 21:30 horas e aos sábados de 8:00 às 12:00 horas. A Biblioteca Central da UFMG, localizada no Campus Pampulha funciona de 2ª a 6ª feira de 7:00 às 22:00 horas

CINS- Centro de Informática em Saúde

Criado em 1992 o CIM tem como objetivo dar apoio computacional aos alunos, e é responsável pelo gerenciamento de rede e servidores, Internet e Intranet, correio eletrônico e assessoria de informática aos programas de Pós-Graduação, contando com uma equipe composta por 13 funcionários. O CIM possui laboratórios de informática com 50 novos computadores e sete servidores modernos, que operam à velocidade de mil Megabits. Os laboratórios de informática são utilizados para aulas e também pelos alunos para acesso à internet e impressão de documentos.

Administração

As atividades administrativas do Programa de Pós-Graduação em Ciências Fonoaudiológicas são executadas no Centro de Pós-Graduação (CPG) da Faculdade de Medicina da UFMG. Criado em 18 de fevereiro de 1977, o CPG faz parte da estrutura organizacional da Faculdade de Medicina e constitui órgão de assessoramento da diretoria e seção operacional para assuntos de pós-graduação.

O CPG dispõe de um auditório, salas de aulas, sala de reuniões, secretaria, sala dos professores e uma sala para a coordenação. Nos últimos anos, foram implantadas rotinas administrativas informatizadas que tornaram mais ágeis o processamento e o encaminhamento dos requerimentos. Como recursos humanos, o Centro conta com a atuação de uma secretária geral encarregada da coordenação da parte administrativa e financeira dos Programas de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina.

Compete à coordenação do Centro de Pós-Graduação supervisionar as atividades de ensino, pesquisa e extensão na pós-graduação e deliberar sobre questões de ordem administrativa e financeira específicas, nos limites estatutários e regimentais da UFMG. Para isso, conta com o assessoramento do Conselho Administrativo, integrado pelos coordenadores do Programas de Pós-graduação da Faculdade de Medicina.

Números do programa

Número de professores orientadores
– Permanentes: 13 docentes
– Colaborador: 03 docentes

Relação de alunos por orientador: 3

Fluxo médio de entrada/ano
– Mestrado: 15 alunos