watch anime pvp serverler metin2 pvp serverler Agario agario play agar

Sobre o Curso de Fonoaudiologia da UFMG

A PROFISSÃO DO FONOAUDIÓLOGO

Entre 1960 e 1970, foram criados os primeiros cursos de graduação em Fonoaudiologia, com o objetivo de legitimar o perfil de um profissional especializado nas práticas de habilitação e reabilitação de linguagem.

Por todo este período, a atuação de inúmeros profissionais inseridos em diversos campos de atendimento à educação e à saúde, não apenas como interventores, mas principalmente valorizando ações preventivas, consolidaram o caráter científico da Fonoaudiologia.

Em nove de dezembro de 1981, a Lei Nº 6965 regulamentou a Fonoaudiologia como profissão. Segundo a lei, o fonoaudiólogo “é o profissional com graduação plena em Fonoaudiologia, que atua em pesquisas, prevenção, avaliação e terapias fonoaudiológicas; na área da comunicação oral e escrita, voz e audição, bem como no aperfeiçoamento dos padrões da fala e da voz”.

O CURSO DE FONOAUDIOLOGIA DA UFMG

O projeto de criação do curso de Fonoaudiologia foi decorrente de uma proposta sugerida pelo Ex-reitor Professor Tomás Aroldo da Mota Santos em 1995, o qual solicitou ao Professor Edson José Correa, então Diretor da Faculdade de Medicina da UFMG, que levantasse a possibilidade de criação do curso de graduação em Fonoaudiologia.

O Departamento de Oftalmologia e Otorrinolaringologia da Faculdade de Medicina da UFMG recebeu em 1995 a solicitação de detectar as possibilidades de criação desse curso, uma vez que a Fonoaudiologia estava diretamente relacionada à Otorrinolaringologia.

A análise do curso de Fonoaudiologia ficou a cargo do Professor Celso Gonçalves Becker, então subchefe do departamento e otorrinolaringologista.

Para desenvolver a grade curricular do curso, foram tomados como base os cursos de Fono já existentes na época, as grades curriculares e as ementas dos cursos de graduação da UFMG, em especial os da área de saúde. Daí realizou-se uma adequação e foram agregadas disciplinas já existentes nas várias unidades envolvidas.

INTEGRALIZAÇÃO

Para a integralização curricular do curso de Fonoaudiologia são necessários 254 créditos (3810 horas) que dependem da vivência de disciplinas obrigatórias, optativas, optativas complementares (disciplinas da área de humanas) e optativas direcionadas (práticas clínicas).

No que se refere ao ensino, o curso compromete-se na formação do profissional generalista, humanista, reflexivo e crítico, capacitado a atuar com competência técnica, pautado em princípios éticos, com senso de responsabilidade social e compromisso com a cidadania.

No que se refere à pesquisa, o curso compromete-se em estimular o aluno na geração de conhecimento científico voltada para a pesquisa dos problemas e soluções dos distúrbios de comunicação humana, bem como do aperfeiçoamento dos padrões da fala e da voz.

Na extensão o curso de Fonoaudiologia compromete-se em propiciar um processo educativo, cultural e científico que articula o ensino e a pesquisa de forma indissociável e viabiliza a relação transformadora entre Universidade e Sociedade. Na prática, essa articulação acontece por meio de programas, projetos, cursos e eventos promovidos pela comunidade acadêmica que auxiliarão a população com um todo.

 

Powered by WordPress | This theme is brought to you by Meizitang and Botanical Slimming

Centro de Graduação da Faculdade de Medicina da UFMG
Atendimento Externo: Segunda a Sexta - 10h às 15h | 17h às 21h

Av. Prof. Alfredo Balena, 190 - sala 67 / Belo Horizonte - MG
Tel.: (31) 3409 - 9660 (atendimento geral) | email: cegrad@medicina.ufmg.br

Assinatura da UFMG

Site produzido pelo Centro de Comunicação Social
da Faculdade de Medicina da UFMG