Faculdade de Medicina

Universidade Federal de Minas Gerais

Faculdade de Medicina da UFMG

fachada_270812_brunacarvalho_07A Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) é uma das mais antigas, maiores e melhores do Brasil.

Fundada em 1911, recebe, anualmente, 320 novos alunos de Medicina – o maior número de ingressos, por ano, no país – 50 estudantes de Fonoaudiologia e 80 de Tecnologia em Radiologia.

Os currículos dos cursos estão entre os mais avançados da atualidade, integrando uma base teórica sólida a uma intensa prática profissional e de pesquisa, aliadas à reflexão ética e social.

História

Em março de 1911, a Sociedade Médico-Cirúrgica de Minas Gerais criava a Escola de Medicina de Belo Horizonte, a quarta implantada no Brasil. A sede era um palacete no centro da capital mineira. Em 1927, a instituição passou a constituir a Universidade de Minas Gerais, federalizada em 1949, junto com as outras três escolas de nível superior até então existentes em Belo Horizonte: Faculdade de Direito, Escola de Engenharia e Escola Livre de Odontologia, que incluía o curso de Farmácia.

A turma de 1960 inaugurou o atual edifício da Faculdade. Quem ministrou a primeira aula foi o presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira, ex-aluno, benfeitor e, a partir daquela data, professor honorário.

Na década de 60 também foi implantada a Residência Médica, com estágios de médicos graduados em várias clínicas. Em 1968, era a vez da implementação da pós-graduação da Faculdade, com a criação do Doutorado em Oftalmologia.

Nos últimos anos, a Faculdade de Medicina viveu uma melhora expressiva na titulação docente e uma conseqüente expansão do número de projetos de pesquisa e de publicações, sempre conjugados com a formação teórica e prática dos estudantes.

O processo de crescimento da Faculdade de Medicina tem sido permanente. Na graduação, em 1917, a primeira turma totalizava 17 formandos em Medicina; em 1933, foram 60. Em 1965, as entradas foram fixadas em 160.

Em 1969, a pressão pela formação de um número maior de profissionais dobrou o número de vagas para 320, divididas em duas entradas semestrais. Esse número de vagas é mantido até hoje.

Em 1977 foi criado o Centro de Pós-Graduação que, hoje, compreende os programas de pós-graduação “stricto sensu” e “lato sensu”. São oito programas nos níveis de mestrado e doutorado e um no nível de especialização.

Em 1º de julho de 1999, foi criada a graduação em Fonoaudiologia. A primeira turma ingressou na universidade em 2000 e desde então, 50 profissionais formam anualmente.

Em 2010, foi criado o curso de Tecnologia em Radiologia e Diagnóstico por Imagem, atendendo às demandas sociais crescentes nessas áreas. Em 2011, a instituição chegou aos 100 anos desde a sua fundação.

Preservação da memória

O Centro de Memória da Faculdade de Medicina (Cememor) foi criado em 1977, após a reforma do ensino da Faculdade, na década de 70. Nele, os visitantes podem conhecer um vasto acervo de livros, documentos, quadros e esculturas, além de aprofundarem o conhecimento sobre a evolução da saúde no tempo. O Cememor é aberto à visitação pública, mediante agendamento pelo telefone 3409-9672.

Catálago Institucional

Capa_catalogoPara apresentar a Faculdade de Medicina estão disponíveis um catálogo e um folder institucional.

No catálogo, você encontra história, números, informações e fotografias das atividades aqui desenvolvidas. Já no folder, as informações estão resumidas, ideal para quem precisa de um material mais sucinto.

Se você irá representar a Faculdade em algum congresso ou reunião, procure o Centro de Comunicação Social, sala 55, onde estes materiais encontram-se disponíveis.

Caso queira, o catálogo e o folder também podem ser baixados nas seguintes versões:

Catálogo 2010
Português – Inglês Download do arquivo em pdf
Catálogo 2009
Português – Inglês Download do arquivo em pdf
Espanhol – Inglês Download do arquivo em pdf 
Folder
Português Download do arquivo em pdf

 

Fotos

Como chegar

Mapa

campus saúde
Campus Saúde e Unidades do Centro da UFMG.

Principais ônibus

SC03A Hosp. Felício Rocho/Hosp. Militar A 5503B Goiânia B
SC04B Santa Casa/Rodoviária/Savassi B 5506A Ribeiro de Abreu
33 Est. Barreiro/Centro-Hospitais 9031 Nossa Senhora de Fátima/Centro
51 Est. Pampulla/ Centro/ Hospitais 9032 Granja de Freitas
62 Est. Venda Nova/ Savassi via Hospitais 9101 Alto Vera Cruz/ Santa Lúcia
66 Estação Vilarinho/ Centro/ Hospitais via C.Machado 9202 Pompéia/Jardim América
83P Estação São Gabriel/ Centro-Hospitais 9204 Santa Efigênia/Estoril
85 Estação São Gabriel/ Centro via Floresta 9206 Vera Cruz/ Buritis
901 Circular Leste 9250 Caetano Furquim/Nova Cintra via Sabassi
1505R Conjunto Felicidade/Centro 9403 Paraíso/Caiçara
3301A Santa Terezinha 9404 São Lucas/Nova Esperança
3302B Braúnas via Itamarati (Hospitais) 9407 Alto Vera Cruz/Dom Bosco
3050 Est.Diamante/Hospitais via BH Shopping 9408 Santa Efigênia/Padre Eustáquio
3052 Est.Diamante/BH Shopping Via Havai 9412 Conj.Taquaril/Padre Eustáquio
4403A Zoológico via Serrano 9503 Taquaril/Jaraguá
4031 Santa Maria/Hospitais 9801 Saudade/Santa Cruz
5502C Pousada Santo Antônio 9803 Taquaril/Palmares
5503A Goiânia A 9805 Santa Efigênia/Renascença

Os pontos das linhas mais próximos ficam distribuídos pelas avenidas Bernardo Monteiro e Professor Alfredo Balena. Há linhas com pontos nos dois sentidos da Professor Alfredo Balena e algumas com pontos apenas num sentido.

Consulte o site da BHTrans para informações detalhadas de itinerário e horários ou pelo telefone 31 3277 6500.